Posts in "Uncategorized"

Toda última quinta-feira do mês é regada a poesia na Casa Poema – Escola de Poesia Viva. Hoje não poderia ser diferente. A partir das 20:30, o Teatro do Possível abre as portas para todos que queira colocar a poesia em movimento cantando, dançando, batucando, contando piadas, falando poesias etc.

Para entrar, basta doar um livro de poesia novo ou usado. Caso não tenha um, leve o coração aberto à poesia e desfrute da mesma maneira!

E lembre-se: Você também pode adquirir camisetas poéticas no dia!

Casa Poema

Rua Paulino Fernandes, 15 – Botafogo 

Rio de Janeiro – Telefones: (21) 2286-5976 ou 22865977

Sarau Fora da Caixa – Poeme-se

Ontem, dia 12 de janeiro de 2013, aconteceu o 1º sarau idealizado e realizado pela Poeme-se. E diga-se de passagem, foi um tremendo sucesso! São Pedro não ajudou, fazendo chover durante todo o dia em questão. Mas isto não impediu que cerca de 40 pessoas estivessem presentes, destilando seus versos e outras manifestações poéticas no Sarau Fora da Caixa.
Tivemos poesia cantada, voz e violão, literatura enxuta, poesia, prosa e leitura dramática de textos do Luiz Fernando Veríssimo.  E além disso tudo, ainda temos uma poesia colaborativa feita às cegas! O resultado você vê logo abaixo:

fora da caixa
o ar é azul, azul, azul
essência
calmaria na comunhão
transa
de amor mistura e poesia a tarde cria
afinal, o que é a vida sem caprichos?
cores, amores e Frida Kahlo
andei louco atrás deste lugar
surpresa!
…e fico a procurar aqui dentro
deixo-me largar na via pública
o amor é outra coisa…
sonhar é não morrer só
acabar
eu só queria que isso não…
motivo de chacota.
há sóis em minha solidão.
som.
som!
matei até um frango para te ter de volta
a dor chama teu nome.
engana-a, toma outro norte!
curto.

Fotos:

Curtiu? Este foi apenas o primeiro de muitos outros saraus que a Poeme-se realizará para colocar a poesia em movimento. Se você participou do nosso sarau, deixe seu comentário, pois por meio dele faremos eventos ainda melhores!

Poeme-se sempre!
www.poemese.com

Pó de poesia. Poeme-se na Casa Poema!

A Poeme-se procura, dia após dia, novos meios de colocar a poesia em movimento. Seja online ou offline, cada partícula de poesia que existe em nós é mais uma vez soprada pelos bons ventos para que alcance lugares ainda mais distantes.

Desta vez, o pó de poesia que sopramos foi parar na Casa Poema, da poetisa Elisa Lucinda, no Rio de Janeiro. Este lugar que vive 24 horas por dia e 7 dias por semana de poesia agora é também uma revenda Poeme-se! Lá você poderá sentir os versos que flutuam no ar e as letras que tocam a pele em forma de camiseta. Contamos com sua visita!

Exibir mapa ampliado

Conheça também nosso ponto de vendas em São Paulo.

Sampoética. A Poeme-se em São Paulo!


Se você mora em São Paulo, a cidade mais caótica do Brasil, saiba que a poesia agora tem endereço certo para ser encontrada, entre prédios, trânsito e boa vontade.

E este endereço não poderia ser menos especial do que nossos versos. A Poeme-se agora é parte da Cada Qual Colaborativa, um conceito de loja onde várias marcas se reúnem para construir um espaço comercial saudável, com variedade de produtos e preços. Somos uma célula neste organismo vivo que verte criatividade por todos os lados!

Quer visitar nossa Caixa Poética? Fácil! Clique na imagem e veja o mapa de como chegar até o local.

Aproveite pois até o dia 23 de dezembro a loja ficará aberta em horário extendido.

Visite, experimente e saia de lá colocando a poesia em movimento.

Poeme-se sempre!
www.poemese.com

Poeme-se neste natal!

HO HO HO! Chegou o mês de dezembro e festas, amigos secretos e demais presentes natalinos com ele. Uma época onde a reflexão sobre o amor ao próximo e os planejamentos para um ano melhor estão à flor da pele. Com isso, a Poeme-se e sua utopia poética resolveu unir o útil ao agradável, criando Kits Natalinos para que você possa espalhar toda a nossa poesia para seus amigos e família por preços ainda mais em conta.

Todos os nossos kits estão NESTE LINK. Confira e Poeme-se!

Eu poemo, e tu poemas?


A Poeme-se abriu um espaço para os seguidores e clientes na sua página do Facebook,
no qual poderão mostrar a poesia que veste. Para isso, basta nos enviar uma foto de quando levou a poesia para passear, com seu nome completo via in box ou para: contato@poemese.com. Pronto! Sua foto irá para nosso álbum, #Eupoemo.


E se você já visitou a nossa Escada Poética, em algum evento,  também pode participar!

Mostre a poesia que te veste! 
          www.poemese.com