A editora  criou uma lista curiosa e muito divertida para os amantes de literatura. Perguntaram-se: E se os escritores tivessem um perfil no Instagram? Como seria? O resultado você confere abaixo:

Virginia Woolf

Nessa “selfie” de mentira, Viriginia escolheu como legenda sua própria frase: “Estou enraizada, mas fluo”.

se os grandes escritores tivessem instagram

Leo Tolstoy

Se tivesse um Instagram, provavelmente Tolstói publicaria essa foto com ensopado de legumes, o borsch. Sua legenda: “Um homem pode viver e ser saudável sem matar animais para comer”. Ele ainda receberia comentários de Dostoiévski diz “Dizem que os bem alimentados não podem entender a fome. Humpf” e de Anton Tchekcov, dizendo que ama o tradicional prato russo.

instagram poesia

Ernest Hemingway

Outro escritor, Ernest Hemingway, amante dos gatos escreveria: “Um gato leva a outro”. Seu amigo, o também escritor, Scott Fitzgerald, faria um trocadilho infame com seu livro “O Grande Gatsby”, comentando: “O Grande Catsby”. Hemingway entraria na brincadeira e não deixaria por menos, em resposta, escreveria “O trocadilho também se levanta”, em referência a sua obra “O sol também se levanta”.

instagram hemingway

Charles Bukowski

Charles Bukowski é famoso por escrever sobre a vida boêmia e sua publicação não poderia ser diferente: “Eu bebo ao paraíso e à morte e à mentira do amor”.

bukowski instagram

Henry David Thoreau

Henry Thoreau, poeta naturalista, publica “Uma caminhada de manhã cedo é uma benção por todo o dia”. Nietszche daria continuidade à essa reflexão: “Todas as ideias realmente boas são concebidas enquanto caminhamos”.

henry david

Robert Frost

Já Robert Frost teria um conteúdo mais inspiracional sobre sua produção: “Sem lágrimas no escritor, sem lágrimas no leitor”.

instagram literatura

T.S. Eliot

E que tal a frase de T.S. Eliot? “Aprendo muito meramente te observando, deixando que fale o quanto quiser e tomando notas daquilo que você não diz”. Destaque para as hashtags: #judging #shelfie no #selfie

instagram de escritores

Walt Whitman

“Sou amplo, contenho multidões”, diria Walt Whitman. Em resposta, o poeta Allen Ginsberg zombaria: “Para quais caminhos apontam sua barba esta noite?” – um trecho do poema “Um supermercado na Califórnia”, no qual Ginsberg tem uma conversa imaginária com Whitman.

E se esses escritores tivessem um perfil no Instagram

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *